Receba por email

Assine nossa newsletter e receba em primeira mão as novidades do blog.

10 de Dezembro de 2019

Marketplace: qual a importância para o seu negócio?

Você provavelmente já comprou algo pela internet em sites como a OLX por exemplo, certo? Esse é um exemplo de como o marketplace está amplamente inserido na vida da maioria das pessoas, mas você sabe o que é um marketplace afinal? Hoje você vai descobrir! 

Um marketplace (ou “lugar mercadológico” em livre tradução) é basicamente um site de comércio eletrônico, onde são vendidos produtos da loja que o utiliza, como roupas, materiais de escritório ou afins. Na teoria, ele funciona como qualquer outro e-commerce que esteja presente em uma loja online de uma marca que você goste, mas o diferencial de um marketplace é a capacidade da plataforma de reunir diversos lojistas, tendo o intuito de oferecer um espaço colaborativo. 

Para vender em um marketplace é simples, onde na maioria dos sites você simplesmente precisa criar um cadastro rápido, cadastrar seus produtos na plataforma e pronto, em algumas horas eles estão disponíveis na web! Mas é válido lembrar que na maioria dos sites desse tipo, em troca de toda a estrutura oferecida e da divulgação, se é cobrada uma taxa no valor que você anuncia para a venda, para assim, a empresa que o gerencia conseguir monetizar suas atividades e ter lucros para continuar no mercado. 

Mas para te ajudar a entender ainda melhor as diferenças entre o marketplace e o e-commerce, nós listamos as principais para você. Veja quais são: 

  1. O e-commerce vende produtos de um único site, enquanto o marketplace agrega e vende produtos de diferentes lojas e vendedores. 
  2. Marketplace trata-se de uma intermediação da venda, enquanto o e-commerce é baseado somente na operação de compra e venda. 
  3. Um e-commerce precisa cuidar de todo o seu sistema operacional, desde a divulgação do próprio site até os produtos, enquanto no marketplace, os lojistas não precisam se preocupar com isso, podendo ainda contratar pacotes que impulsionam a divulgação de seus produtos. 
  4. Em um e-commerce você tem mais liberdade para trabalhar a identidade visual da sua marca, enquanto no marketplace não. 
  5. O tráfego que ocorre dentro do marketplace pertence à plataforma que o gerencia, e não aos lojistas cadastrados de forma individual. 

Apenas no Brasil existem mais de 50 marketplaces diferentes, e nós trouxemos alguns exemplos para ilustrar as possibilidades: 

A forma mais fácil de entender algo é a partir de exemplos, por isso, quando se fala em marketplace no Brasil, um dos primeiros nomes que vêm à mente é Mercado Livre, certo? 

Se você tem o hábito de pesquisar preços e fazer compras online, provavelmente já foi levado à algum produto hospedado nele, na OLX ou Bom Negócio (comprado há alguns anos pelo seu concorrente anteriormente citado), mas esse é apenas um tipo de marketplace. 

Por exemplo: na prática, nenhum produto ofertado no Mercado Livre é do próprio site, mas sim dos lojistas cadastrados – vendedores de todas as regiões e perfis – mas ainda existem alguns modelos diferentes de marketplace, sendo o caso das grandes redes varejistas, como Lojas Americanas, Extra ou Walmart, que também comercializam produtos que não são de seu portfólio. 

Nesses casos, além de hospedar a mercadoria de terceiros, as vendem também utilizam seu canal para comercializar seus próprios produtos. Interessante, não é? 

Mas afinal, quais as vantagens do marketplace? 

Quando se fala das vantagens do marketplace, é importante salientar que os benefícios não se aplicam apenas para a plataforma principal, mas também para todos que utilizam o espaço: 

Vantagens para o consumidor final: 

  • Diferentes produtos em uma única plataforma. 
  • Oportunidade de comprar de lojas menores, mas ainda de forma segura. 
  • Não há necessidade de buscar por diversos sites, já que pode comparar o preço de um mesmo produto dentro do marketplace. 
  • Faz todas as suas compras pagando por uma única transação, mesmo que tenha escolhido produtos de variadas lojas. 
  • Prático e agrega valor de experiência de consumo. 

Vantagens para a plataforma: 

  • Quanto mais pessoas utilizando, maior a variedade e diversidade na oferta de produtos. 
  • Maior visitação pela quantidade de produtos oferecidos e consequentemente mais consumidores. 
  • Maior faturamento e aumento do ticket médio. 
  • Contribui para a fidelização do cliente, tendo em vista que ele pode achar todos os produtos que deseja no mesmo lugar. 

Vantagens para as lojas parceiras: 

  • Aumento da visibilidade do seu negócio, além de poder direcionar o cliente diretamente para o seu site. 
  • Maior credibilidade e aumento do reconhecimento, visto que o nome do seu negócio estará atrelado à grandes marcas do marketplace. 
  • Aumento das vendas, podendo captar clientes de diversas localidades e fidelizá-los conforme a experiência de compra. 
  • Uma fonte a mais de receita. 
  • Marketing digital gratuito! Isso porque, diversos varejistas investem pesado no marketing digital redirecionando o consumidor ao marketplace, onde o seu negócio pode ser beneficiado com essa estratégia. 
  • Grandes chances de crescimento do negócio em decorrência da maior visibilidade e do aumento de vendas. 

Viu só? O marketplace é capaz de oferecer diversas vantagens a todos os usuários que estão atrelados a plataforma. Mas, você consegue perceber a oportunidade de crescimento que o seu negócio alcança quando está conectado a um modelo de negócios como o marketplace? 

Fique atento as movimentações do mercado e não perca as oportunidades vantajosas oferecidas no mundo dos negócios! 

Lais Bellmax

Marketing

[email protected]

Marketplace: qual a importância para o seu negócio?
Vote para esse post!

Autor

Lais Bellmax

Compartilhe

Facebook Twitter linkedin